Congresso da Abrapp trará propostas para reforma da Previdência

2018-08-22T14:32:34+00:00 quarta-feira ,08/08/2018|

“Disruptura e o Mundo do Novo Século” é o tema central do 39º Congresso Brasileira da Previdência Complementar Fechada, maior evento do setor, promovido pela Abrapp (Associação Brasileira das Entidades Fechadas de Previdência Complementar) e pelo Sindapp (Sindicato Nacional das Entidades Fechadas de Previdência Complementar), que acontece em Florianópolis de 10 a 12 de setembro.

Segundo os organizadores, “a ideia de disrupção para um modelo em sintonia com o atual e o futuro cenário passa necessariamente pela reforma estrutural da Previdência como projeto de Estado”.

Dentro da extensa programação que está sendo montada, foi confirmada uma plenária relacionando a visão da OCDE (Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico) com o que se espera do próximo governo brasileiro quanto à Previdência. Os palestrantes serão o economista Hélio Zylberstajn, da Fipe / USP, coordenador do Fórum Nacional da Poupança de Longo Prazo, e Juan Yermo, vice-chefe da Secretaria Geral da OCDE, especialista que desenvolve um amplo estudo sobre o modelo previdenciário brasileiro e seus desafios face às experiências internacionais bem-sucedidas. 

39º Congresso Brasileiro da Previdência Complementar Fechada – Informações e inscrições, em cpcf.com.br.

Mais Notícias OABPrev

A partir de 2019, as entidades fechadas de previdência complementar contarão com um mecanismo de avaliação permanente dos procedimentos de dirigentes. Trata-se de um aperfeiçoamento do que já determinam a Resolução 19 do CNPC (Conselho Nacional de Previdência Complementar), de 2015, e a Instrução Normativa número 6 da [...]

Quando 2018 começou, com um nível historicamente baixo da taxa Selic, em 6,50%, investidores diminuíram sua presença na renda fixa tradicional, adotando perfil mais arrojado. Em tal cenário, a OABPrev-SP alcançou rentabilidade de 2,95% no primeiro semestre, superando com folga o desempenho da Poupança (1,91%). O panorama econômico [...]

A adoção de um sistema misto de previdência, em que convivam regimes de repartição e de capitalização, consta dos programas de alguns dos candidatos à Presidência da República, com diferenças pontuais entre si. Há proposta até de um sistema “multipilar”, muito parecido com o que propõe a Abrapp [...]